http://pequenosfelinos.com/wp-content/uploads/2014/04/vegetal.jpg

você tem pena dos bichinhos? (ou porque decidi pregar)

Não comi carne dos 17 aos 22 anos, e sim, foi porque assisti ao filme “A carne é fraca“. Percebo, porém, que essa não foi uma decisão madura – tanto que em cinco anos estava comendo carne novamente. Quem acompanhou o nosso final de ano sabe que uma das minhas metas pra 2016 é me tornar vegetariana. E dessa vez pra sempre. Tomei essa decisão, na verdade, no meu aniversário (abril de 2015), e me dei o prazo de até o fim do ano para me adaptar, aprender novas receitas, novos caminhos, novo paladar, novas habilidades, enfim, amadurecer a ideia para tomar um passo mais firme. Dessa vez, minha decisão está sendo baseada em diversas pesquisas, escolhas e entendimento da vida. Decidi listá-la pra vcs e pra mim, porque não.

Imagem de http://www.modefica.com.br/a-pressao-social-para-viver-uma-vida-nao-saudavel-2/#.VvPsMGErLqM
Imagem de http://www.modefica.com.br/a-pressao-social-para-viver-uma-vida-nao-saudavel-2/#.VvPsMGErLqM
  1. Poluição: a poluição causada pela criação de gado é maior do que a gerada por todo o sistema de transporte. E não é só a quantidade. O metano produzido pelo gado é mais destrutivo que o dióxido de carbono dos carros. O estômago dos bichos não é feito para digerir os alimentos que lhes são dados (boi come pasto, mas é alimentado por grãos). O que além de desconforto para o animal, gera mais gases. E o esterco produzido por milhares de bichos, pra onde vai? Normalmente, para o oceano.
  2. Desmatamento: a criação de gado é a maior causa de desmatamento e perda de hábil de terras no planeta.
    gado-amazonico-350x2741
  3. Índios: quantos são mortos, perdem familiares, perdem casa, terra e costumes pra pecuária e agronegócio?
  4. Água: a produção de gado é um muito intensiva em água, inclusive através da alimentação do animal. Segundo o filme Cowspiracy [tem no netflix!], um hambúrguer de 114g precisa de quase 2500L pra ser produzido. A pecuária é responsável pelo consumo de 30% da água do mundo.
  5. Transporte: a produção de gado é concentrada em regiões, e não espalhada pelo país, devido à sua própria configuração, por isso os gastos com transporte, emissão de mais gases e tempo entre abate e consumo são questões a serem consideradas.
  6. Alimento vivo: devo ser sincera, essa ainda é uma questão que me deixa um pouco confusa. Entretanto, queria dividir um pensamento recente: eu como alimentos vivos. Toda a vida e o potencial para a vida que o alimento produz me alimenta. Quando vc come carne, na verdade, vc come morte. Um dia eu finalmente percebi que tudo o que eu como, se plantar, nasce. A carne não só não nasce, como já está em processo de putrefação. Ele não precisa mais conter nutrientes, ele só precisa se degradar até deixar de existir. Como um alimento morto pode me alimentar?
  7. Saúde: nesse momento queria fazer um comentário, na verdade, liberar uma angústia: porque as pessoas acham que só por comer carne são automaticamente mais saudáveis? Vc pode até começar a falar questões técnicas de nutricionismo como aminoácidos essenciais, ferro, vitamina B12. Mas espero que vc tenha a plena consciência de que a carne sozinha não possui todos os nutrientes. Agora pense: quantas pessoas que vc conhece que comem carne também tem uma dieta balanceada de frutas e verduras? Quantas fazem exercício regularmente? Quantas comem menos açúcar, sal e trigo? Quantas tem taxas perfeitas? A saúde não vem só da alimentação assim com não vem de forma nenhum só de um tipo de alimento.
  8. Ingredientes: para viver nas condições que vivem, os animais recebem vários tipos de medicamentos. Para crescerem mais rápido e serem mais lucrativos, os animais recebem mais vários tipos de medicamentos. Sob estresse, o corpo dos bichos produz diversas substâncias tóxicas. Para ficar bonitas na prateleira, as carnes recebem corantes. Não sei vcs, mas eu não quero nenhum desses “ingredientes” no meu corpo.
  9. Extinção: espécies que não são produtivas, agora são vistas com predadores ou ocupadoras de espaço.
  10. Tortura: “vc tem pena dos bichinhos é?” Claro! Você não?
http://www.mudaomundo.org/images/factos/.resized.275x207.galinhas_02.jpg
http://www.mudaomundo.org/images/factos/.resized.275×207.galinhas_02.jpg
http://assets0.exame.abril.com.br/assets/images/2014/9/510096/size_810_16_9_galinha-nos-eua.JPG
http://assets0.exame.abril.com.br/assets/images/2014/9/510096/size_810_16_9_galinha-nos-eua.JPG
http://www.curaeascensao.com.br/alimentacao_saude/animais/img/image286.jpg
http://www.curaeascensao.com.br/alimentacao_saude/animais/img/image286.jpg
http://arquivo.geledes.org.br/images/stories/noticias/abate_de_galinhas.jpg
http://arquivo.geledes.org.br/images/stories/noticias/abate_de_galinhas.jpg
https://panelika.files.wordpress.com/2012/04/dsc00666.jpg
https://panelika.files.wordpress.com/2012/04/dsc00666.jpg
http://www.vidarural.pt/wp-content/uploads/sites/5/2015/09/porca.jpg
http://www.vidarural.pt/wp-content/uploads/sites/5/2015/09/porca.jpg
http://www.pamplona.com.br/wp-content/uploads/2016/02/hrav-3.jpg
http://www.pamplona.com.br/wp-content/uploads/2016/02/hrav-3.jpg
http://dinheirorural.com.br/media/images/large/2014/10/13/img-343096-confinamento-para-todo-gosto.jpg
http://dinheirorural.com.br/media/images/large/2014/10/13/img-343096-confinamento-para-todo-gosto.jpg

(Btw, se vc se sentiu incomodado com as imagens ou com a morte da ovelha, então vc está comendo algo com o que não concorda e deveria repensar seus hábitos)

Mais dados do cowspiracy, quase que um resumo do que falei: “a criação de animais para alimentação humana é responsável por 30% do consumo de água do mundo, ocupa até 45% das terras do planeta é responsável por até 91% da destruição da Amazônia, e é uma das principais causas de zonas mortas no oceano, destruição de habitats e extinção de espécies”. E esse post tem mais detalhes sobre o assunto.

“Uma dieta vegana economiza por dia:
1100 gallons of water
45 lbs of grain
30 sq.ft forest
10 lb of codois
1 animal life”

– Cowspiracy

http://geradormemes.com/media/created/tth86j.jpg
http://geradormemes.com/media/created/tth86j.jpg

Mas nem peixe? Queria deixar bem claro que os peixes são sim animais e tem sim produção em massa, em cativeiro e são tratados como produtos. Se vc tem na sua cabeça uma imagem de um querido de chapéu de palha pescando o seu sushi, por favor, veja essa palestra do TED [gente, maravilhosa, e não é vegetariana, muito pelo contrário, e o cara ainda é engraçado] que mostra um pouco dessa produção. E se vc até imagina um navio em alto mar com aquelas redes gigantes, já pensou em quantas outras espécies marinhas ficam presas e morrem enquanto se tenta pescar um peixe específico? Para cada 1kg da espécie desejada, são capturados 5kg de outras espécies. Btw, o que vc está comendo é mesmo salmão?

http://veganos.org.br/peixes_1.jpg
http://veganos.org.br/peixes_1.jpg

Eu sou absolutamente a favor do be and let be. O cada um faz é da sua própria conta e ninguém tem nada com isso. Por isso, junto com a decisão de ser vegetariana decidi também não pregar o vegetarianismo [acho até que prometi isso a zuko]. Mas ao começar a estudar o quanto a indústria agropecuária atual interfere no nosso ecossistema e, portanto, como a escolha de cada um em comer carne interfere na minha própria existência, não dá pra ficar quieta. Não fico evangelizando pessoas, mas se me perguntam por que eu não como carne, não guardo mais nada. [E como vcs devem saber, as pessoas sempre se metem na minha dieta].

http://crieseumeme.com/media/created/h0msi2.png
http://crieseumeme.com/media/created/h0msi2.png

Minha decisão dessa vez não é “deixar de comer carne”, é mudar minha relação com alimentos e alimentação. E é um processo muito maior do que eu imaginava. Passa por entender porque comer, passa por escolher os produtores, sabendo da sua origem e do seu impacto social e ambiental, passa por escolher os alimentos que vão entrar no seu corpo, passa pelo prazer de cozinhar, sentir o cheiro, a textura e o gosto de cada coisa, passa por fazer isso vc mesmo porque é para vc mesmo, passa pelos resíduos, como utilizá-los e minimizá-los. É olhar seu prato e entender o que ele significa.

No final das contas, se vc quer mesmo comer carne, existem formas de se esquivar ou minimizar os pontos que falei. Pessoalmente, não vejo mais motivos para um outro ser vivo ter que morrer para eu me alimentar e muitas vezes  só para matar um desejo meu.

Tanto nos cinco anos antes como no último ano, meu corpo se adaptou muito bem à alimentação sem carnes, e não acredito que terei problemas. E, se for pra ser extremamente sincera, mesmo que tenha, acredito que é um sacrifício que vale a pena e que estou disposta a fazer em prol do planeta, do ambiente e da sociedade. [Tudo chega a um ponto que passa de razão para emoção, essa é o meu nisso].

Por enquanto minha escolha é: alimento local, orgânico e vivo. Existem controvérsias? Sim. Existem críticas? Sim [e quero ouvir todas]. É sustentável? Talvez não. Mas é o que acredito no momento e é o que posso fazer de melhor. Estou feliz, animada e ansiosa com essa jornada. E absolutamente certa de que é o caminho que devo trilhar.

http://images4.fanpop.com/image/photos/16900000/Todd-Ingram-scott-pilgrim-vs-the-world-16936101-640-352.jpg
http://images4.fanpop.com/image/photos/16900000/Todd-Ingram-scott-pilgrim-vs-the-world-16936101-640-352.jpg

 

Ainda está em dúvida ou precisa de ajuda? Não se preocupe, tem muita gente falando sobre isso!

– Blogs Vegetarianos
Vegetariano: ser ou não ser?
O youtuber vegano mais novo do Brasil (acho, rs)
Receitas de Mason Jar Salads
Congelar vegetais
– Como suprir desejo por doces

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “você tem pena dos bichinhos? (ou porque decidi pregar)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s